Publicado em 15 agosto 2014

O Google Drive inovou mais uma vez e trouxe diversas mudanças tanto para o quesito usabilidade, quanto para o design. Agora os usuários terão uma interface muito mais amigável e intuitiva que facilita o acesso aos documentos e pastas. Veja a seguir, algumas das principais novidades em relação ao modelo antigo.

A página inicial

Na versão anterior, o que se via ao abrir o Drive era uma página onde havia uma mistura de arquivos, imagens e pastas que eram representados por ícones muito grandes. Agora, na nova versão, o que aparece primeiro são as pastas (devidamente categorizadas)  que são representadas por ícones pequenos. Logo abaixo, ficam listados os demais arquivos (aqueles que não foram segmentados em pastas) como imagens e planilhas.

O antigo botão CRIAR (Create) mudou para NEW (Novo)

Pode parecer uma alteração à toa, mas aquele antigo botão (Create) que trazia ao lado um outro botão para fazer upload de arquivos cujo ícone era uma setinha, ficou mais enxuto. Agora, o NOVO é um botão único, onde se clica quando se pretende criar um novo arquivo (bastando escolher o tipo na lista de opções que aparece) ou fazer upload de pastas ou arquivos. Em um só clique, o usuário abre possibilidades para todas as funções.

Ache fácil arquivos partilhados com você

Na versão anterior do Google Drive, os arquivos que eram partilhados com você podiam ser acessados ao clicar no botão “Shared whit me”. Agora, na lateral esquerda da página, há o botão “Incoming” que mostra uma listagem mais dinâmica e simples com todos os arquivos que você pode ver ou editar, inclusive aqueles que não são seus.

Detalhes do arquivo

Na versão anterior já era possível visualizar as informações e atividades relacionadas ao seu arquivo. Agora ficou mais prático, pois basta apenas um clique no ícone “Details e Activit” para habilitar essa opção. Depois é só clicar em cima do arquivo que deseja explorar e as informações aparecerão na lateral direita da página. Para ver detalhes de outros arquivos, basta clicar sobre cada um. Como o botão de detalhes e atividade já está ativado, as informações aparecerão sem necessidade de outros cliques.

Sincronização off-line

A versão anterior do Drive já salvava automaticamente todos os projetos, e agora é possível também visualizar todos os seus documentos off-line. Isso é muito útil no caso de você querer trabalhar em um determinado local sem conexão, por exemplo. Basta clicar no ícone da engrenagem (configurações) no canto direito superior da página e escolher a opção “off-line”, e imediatamente o sistema sincronizará todos os dados com o computador que está sendo usado, e você poderá acessar e editar os documentos quando quiser. Essa ação só precisa ser feita uma única vez em cada computador.

Ações conjuntas

Na nova versão é possível reorganizar, compartilhar, categorizar os arquivos com os mesmos comandos usados no PC (arrastar e selecionar). Para escolher o que fazer com os arquivos destacados, basta clicar com o botão direito do mouse e uma tela se abrirá com diversas opções. Na versão anterior, essa facilidade não existia.

Para o Google, as modificações deveriam principalmente agilizar e simplificar o trabalho diário. A produtividade continuou sendo o foco da melhoria proposta. Experimente, explore!

Caso o novo Google Drive ainda não apareça para você, clique no botão engrenagem e depois clique em “Conheça o novo Google Drive”:

novo-drive

Leia também: