Skip to Content

Blog

Como escolher uma solução de Armazenamento na Nuvem de qualidade?

Você já sabe o suficiente sobre a Computação em Nuvem para pequenas empresas e está preparado para começar a utilizar a nuvem para armazenar seus dados. Mas como escolher as soluções adequadas para a sua empresa?Para ajudá-lo a decidir qual a melhor opção para a sua empresa, um artigo recente do site de TI ZDNet aconselha a fazer as três seguintes perguntas:

Continue Lendo →

Pensando em migrar para a Nuvem? Veja como funciona!

Serviços de armazenamento na nuvem, como Google Drive, Dropbox, Box e iCloud permitem que os usuários armazenem e compartilhem grandes arquivos facilmente na internet. Enquanto “nuvem” é a palavra de ordem técnica do ano, muitos empresários ainda estão receosos sobre a eficiência e segurança da Computação em Nuvem. Um estudo recente realizado pela Wakefield Research mostra algumas estatísticas surpreendentes entre os consumidores da computação em nuvem:

Continue Lendo →

Cloud Computing para Smart TVs, Smartphones HD e muito mais

A Computação em Nuvem é a invenção mais recente na área de Rede – você pode utilizar recursos que não estão fisicamente em seu computador, acessando-os através de conexão à internet.

Continue Lendo →

Cloud Computing para Uso Pessoal

Os benefícios da Computação em Nuvem para empresas são muito comentados. Ferramentas de colaboração, comunicação e armazenamento têm sido a alma do negócio. Mas você sabia que os serviços cloud também estão muito presentes no dia-a-dia de  todos os usuários? A seguir, alguns exemplos da utilização de Cloud Computing, para você ver que ela está muito mais presente em sua vida do que você imagina:

Continue Lendo →

Benefícios da Computação em Nuvem para Pequenas e Médias Empresas

Sempre que um ano novo começa, especialistas fazem previsões e indicam tendências em cada área. Em 2013, ninguém deixou a Computação em Nuvem de fora das listas relacionadas à TI para empresas. Nenhuma novidade, já que há alguns anos o serviço só cresce no mundo todo e os empresários estão cada vez mais interessados e confiantes. Geralmente, as pesquisas e textos que abordam esta tecnologia tratam de – e falam para – grandes empresas, mas as pequenas e médias empresas (PMEs) estão ganhando atenção e considerando migrar para a nuvem também.

No ano passado, uma pesquisa encomendada pela Microsoft e conduzida pela Edge Strategies entrevistou tomadores de decisões do mercado de TI de mais de 3 mil PMEs em 13 países. No Brasil, 33% das 250 empresas entrevistadas são usuárias de nuvem e 45% afirmaram que devem utilizar o serviço até 2015. A adoção da computação em nuvem pelas PMEs deve duplicar no país durante este período – e triplicar no mundo todo. Isto por que o serviço apresenta benefícios reais para este tipo de empresa, às vezes até maiores do que para as grandes empresas:

“Já passou o tempo em que as grandes corporações eram as únicas a possuir serviços de TI de última geração”, diz Victor Baez, gerente de pequenas e médias empresas e canais da Microsoft Brasil. “A computação em nuvem coloca as pequenas e médias empresas em igualdade de condições de estrutura tecnológica, ajudando-as a competir em um ambiente de negócios com rápidas mudanças”, acrescenta o executivo.

A computação em nuvem é capaz de entregar mais do que as pequenas e médias empresas precisam – operações mais baratas e rápidas, além de melhor fusão de informações, vitais para praticamente qualquer dispositivo. A pesquisa indica que 62% das empresas entrevistadas que utilizam os serviços em nuvem relatam benefícios significativos de produtividade em TI.

Fonte: Convergência Digital

O baixo custo para implantar e manter uma tecnologia de ponta é apresentado como a principal vantagem para as PMEs. A redução de custos ocorre tanto em termos de  investimento inicial, tanto nos custos operacionais, recursos de TI e gasto de energia. Uma pesquisa realizada pela IDC indicou que quase toda PME que usa serviços de computação em nuvem economiza dinheiro, a maioria entre 10% e 20%. Mas existem  outras vantagens, como cita um artigo publicado no jornal inglês The Guardian (em tradução livre):

Empresas podem usar a computação em nuvem para administrar uma variedade de funções de front e back-end. Soluções para negócios baseadas na nuvem, conhecido como “software como serviço” (SaaS), oferecem uma gama de recursos de contabilidade e humanos, para marketing e mídias sociais, e tudo o mais que for necessário.

Os softwares baseados na nuvem são muitas vezes mais fáceis de usar, mais rápidos de implantar e proporcionam uma flexibilidade muito maior do que as soluções que precisam ser instaladas e mantidas, especialmente para as PMEs, que são muito pequenas para uma ter equipe exclusiva de TI.

 Outra característica do serviço em computação em nuvem que faz diferença para PMEs é a flexibilidade na contratação do serviço. A empresa paga pelo que precisa, e se necessitar de mais no futuro, basta aumentar – seja o número de usuários, a capacidade de armazenamento ou o processamento de dados. Junto a isso tudo, estão as vantagens habituais da computação em nuvem, como acesso de qualquer lugar e maior segurança dos dados, sem o risco de perder informações por causa de problemas de hardware.

As PMEs podem se beneficiar muito com a computação em nuvem, utilizando as soluções para incrementar a comunicação interna, a produtividade, a organização da empresa e o atendimento aos clientes, por exemplo. Empresários de todo o mundo já perceberam as vantagens e estão adotando o serviço – confirmando as tendências e previsões.

QI_CTA_CardsTransformationADMINISTRATIVO

Continue Lendo →

Batalha nas nuvens: G Suite x Office 365

O G Suite tem sido fortemente reconhecido por empresários. Ele geralmente é utilizado para videoconferência, chat, apresentação de slides e edição colaborativa de documentos na nuvem. Introduzido há aproximadamente seis anos, este serviço foi desenvolvido inicialmente para start-up’s e pequenas empresas. O Google não planejava que grandes empresas também tivessem interesse no G Suite.

Entre os clientes recentes do G Suite estão o US Interior Department e a Hoffman-La Roche. Cada uma destas companhias tem aproximadamente 80 mil usuários do G Suite. Especialistas acreditam que a popularidade do serviço deve-se à migração das empresas para a nuvem e o preço competitivo, de acordo com a analista da International Data Corporation Melissa Webster, o Google vai ganhar força este ano, pois haverá muita colaboração e conteúdo na nuvem.

O valor das licenças variar um pouco, mas no caso do Google for Work, a empresa é simples e direta, negociando um valor por usuário, funcionando como um software com serviço tradicional (SaaS), com pagamentos mensais.

Já no caso do Microsoft Office 365, não é tão simples assim. Os pacotes chegam a mais de 5 variações, entre preços, apps e serviços diferentes. A vantagem disso, por um lado, é talvez separar apps que sua empresa talvez não utilize, mas as diferenças de valores não parecem justificar essa atitude. No caso da MS, o conteúdo dos pacotes pode variar bastante.

Pequenas e médias empresas podem utilizar o G Suite desde que tenham avaliado os recursos de segurança do serviço. Muitas dessas empresas terão receio de que sua comunicação e seus dados não estejam seguros na nuvem  e continuarão armazenando suas informações mais sensíveis em seus computadores locais. Para essas questões de segurança, o Office 365 é capaz de armazenar dados no servidor local do cliente e na nuvem. Entretanto, a organização deve estar preparada para pagar mais caro por este recurso.

A computação em nuvem está ganhando popularidade entre profissionais de TI e isso é uma tendência que parece não ter volta. Não há necessidade de atualização do computador local pelo usuário. Quando o usuário estiver online as atualizações já estarão prontas para uso. Porém, o Office 365 disponibiliza atualizações de no máximo um ano atrás. Este recurso é oferecido para aqueles usuários que não optam por atualizações automáticas. O G Suite não possui um recurso como este.

A briga entre as gigantes promete e quem sai ganhando são as empresas que até pouco tempo tinham apenas a Microsoft como opção. Hoje o G Suite é uma ameaça real ao reinado da Microsoft. A grande vantagem do Google é que eles já possuem a Computação em Nuvem em seu DNA e por isso seus serviços já alcançaram uma certa maturidade, mas temos certeza que a inovação não deve parar por ai.

Este artigo é uma tradução de:  Cloud Wars – G Suite vs Office.

QI_CTA_CasesdeSucesso

Continue Lendo →

Percepções irreais sobre a Nuvem privada

O crescimento do fenômeno cloud computing em todo o mundo, favoreceu que muitas empresas também invistam na nuvem privada, que é basicamente um conjunto de recursos configurados por servidores virtuais, de forma automatizada e gerenciada por processos.

Continue Lendo →

Vantagens da Nuvem

Trabalhar de casa, de dentro do carro, pelo celular, garantindo a tranquilidade e o equilíbrio dos clientes. É um alívio saber que isso não é apenas sonho, especialmente quando estamos em meio a cenários como os que marcaram os dois primeiros meses de 2010 em São Paulo, sucederam ao Carnaval carioca, assombraram os estados do Sul. 

Continue Lendo →

Computação em Nuvem: Seis Princípios Eficazes

A mudança crescente para a computação em nuvem, pode agregar valor significativo, mas a maioria das empresas possui pouco conhecimento sobre os perigos da transferência de tomada de decisões em relação a TI, estando longe de especialistas em tecnologia para os líderes das unidades de negócios.

Continue Lendo →