Publicado em 1 outubro 2015

O celular já foi tido como um dos piores inimigos do aprendizado. Mas a tendência atual é tentar inverter essa equação e transformar os smartphones em instrumentos para melhorar o engajamento e a aprendizagem dos alunos. Em vez de simplesmente proibir por completo seu uso, professores devem entender que o celular na escola pode ser algo bom e mostrar quais são os usos adequados para cada situação da vida. Para fazer isso da maneira correta, leia este post e confira 7 dicas de como aproveitar os smartphones na sala de aula:

Buscar informações instantaneamente

Se surgiu uma dúvida sobre um dado qualquer, a consulta na internet leva poucos segundos e a aula pode seguir em frente. Esse é provavelmente o uso mais comum nas escolas mundo afora.

Registrar cenas do mundo para discutir em sala

Os adolescentes adoram tirar selfies (um tipo de fotografia de autorretrato) e também se animam em registrar a sua realidade em fotos e vídeos. O professor pode propor algum tema ou desafio para que os alunos criem conteúdo audiovisual e apresentem o resultado nas aulas seguintes.

Fazer pequenos testes

Com instrumentos como o aplicativo Google Formulários, os professores podem criar testes rápidos de múltipla escolha para toda a turma. Se desejar, eles podem ver o resultado na mesma hora, com as estatísticas de quantos alunos escolheram cada resposta. Boa opção para avaliações e pesquisas de opinião.

Acessar notícias

É muito comum que os professores tragam notícias de jornais para discutirem um assunto, analisarem o discurso etc. Com os celulares, todos podem ler o texto na palma da mão — com a vantagem de que não é preciso imprimir nenhuma folha de papel.

Ver vídeos e ouvir músicas

Até pouco tempo, quando o professor desejava mostrar uma música ou vídeo para a classe, precisava se planejar com antecedência para pedir os recursos ou agendar uma sala especial. Quem precisa disso hoje em dia quando se tem os celulares a mão? Basta compartilhar o link do conteúdo para cada estudante.

Usar recursos múltiplos sem complicação

Precisa cronometrar uma experiência ou apresentação? Use o celular. Quer uma calculadora, um dicionário, um gravador, um calendário ou um escâner? Tudo está no mesmo lugar: no smartphone!

Comunicar-se fora do horário de aula

Quando o aluno está com uma dúvida na lição ou na hora de estudar para a prova, ele pode mandar uma mensagem para o professor. O tutor também pode aproveitar o recurso para dar recados aos alunos e aos pais na hora que desejar.

Existem inúmeras maneiras de aproveitar os recursos do celular para melhorar o processo de ensino e de aprendizagem. As necessidades e a criatividade de cada docente podem criar uma série de outras possibilidades — para isso, só é preciso estar aberto à mudança e ouvir o que os alunos desejam. De quebra, o professor ainda mostra como usar saudável e seguramente as tecnologias.

Deixe um comentário contando se você gostou das dicas sobre o uso do celular na escola! Aproveite para ler este post e descobrir como o aluno pode ser mais produtivo com a ajuda do G Suite for Education!

 

<a href=”http://sucesso.qinetwork.com.br/guia-para-professores-google-for-edu” target=”_blank”><img class=”alignleft size-full wp-image-12002″ src=”https://d335luupugsy2.cloudfront.net/cms%2Ffiles%2F8650%2F1495572822QI_CTA_eBookx3_GuiaIProfessores.jpg” alt=”QI_CTA_GuiaIProfessores” width=”792″ height=”250″ /></a>