Publicado em 26 junho 2012

Google Drive está finalmente no ar!

A espera terminou! O Google acaba de anunciar o lançamento do Google Drive, o aguardado serviço da gigante de Mountain View que permite acessar seus arquivos em qualquer lugar, tanto em computadores quanto smartphones. “O Google Drive acompanha você em qualquer lugar: na web, em casa, no escritório e em outros lugares. Não importa onde você esteja, suas coisas estão sempre disponíveis. Prontas para usar e para compartilhar”, descreve o produto.

Em confirmação aos rumores, o Google Drive chega ao público oferecendo 5GB de armazenamento gratuito mas é possível adquirir mais espaço através dos planos pagos, iniciando com 25GB por US$2.49/mês, 100GB por US$4.99/mês ou 1TB por US$49.99/mês (o armazenamento é compartilhado com o Gmail).

Se você era usuário do Google  Docs, notará que o serviço apresenta várias similaridades visuais com o editor de documentos online, permitindo trabalhar e colaborar da forma como você está acostumado. Há também uma nova funcionalidade que digitaliza seus documentos e permite encontrá-los através da caixa de pesquisa.

“Drive pode reconhecer o texto em documentos digitalizados usando sua tecnologia de Reconhecimento Óptico de Caracteres (OCR). Nós também usamos o reconhecimento de imagem, de forma que se você arrastar e soltar fotos de sua viagem para Grand Canyon Drive, depois você poderá encontrá-las. Esta tecnologia ainda está em seus estágios iniciais, e esperamos que melhore ao longo do tempo”.

Além disso tudo, o Google desenhou o Drive para ser uma plataforma aberta, permitindo que desenvolvedores possam ampliar as possibilidades de uso do serviço. Você já pode baixar extensões para o Chrome que oferecem envio de faxes, edição de vídeos e criação de wireframes.

Nos desktops, o Google Drive está disponível imediatamente para Windows e Mac. Nos smartphone e tablets com Android, o aplicativo do Drive pode ser baixado através da Google Play Store. A empresa ainda está trabalhando em uma versão para iPhone e iPad.

google drive1 Google Drive será integrado ao G SuiteO Google acaba de anunciar que o Google Drive deverá chegar a todos os usuários e domínios do G Suite nas próximas 4 a 8 semanas.

“Google Drive ficará disponível para os usuários em forma de convite através do drive.google.com. Etamos lançando o Google Drive gradualmente e alguns usuários podem não ser capazes usá-lo imediatamente, mas podem pedir para serem notificados quando o produto estiver ativo para uso”, explicou a empresa.

Assim como na versão padrão das contas do Google, os usuários do G Suite poderão acessar seus arquivos de qualquer lugar do mundo, incluindo os recursos de sincronização entre computadores e acesso mobile pelo Android e iOS.

Novos recursos no Google Drive: visualização de conteúdo e aplicação rápida

google drive1 Novos recursos no Google Drive: visualização de conteúdo e aplicação rápidaEm conjunto com a chegada do Google Drive, o Google está disponibilizando dois novos recursos no produto que ajudam a otimizar e editar o conteúdo de uma pasta e a possibilidade de encontrar aplicações através de um campo de pesquisa.

Conteúdo da Pasta

Conseguir visualizar uma prévia do conteúdo de uma pasta pode ser um modo fácil de encontrar um conteúdo específico que geralmente está no corpo de um documento, por exemplo, uma imagem ou foto. Aliado a isso, o recurso também oferece um meio de alternar os documentos enquanto a uma lista se mantém fixa ao lado da tela de edição.

“Os arquivos são armazenados em cache e você pode alternar rapidamente entre eles sem recarregar os arquivos. Você pode usar esse recurso para comparar documentos, editar ao mesmo tempo ou pré-visualizar os arquivos de uma pasta compartilhada”, observou Alex Chitu, do Google Operating System.

“A barra lateral pode ser minimizada clicando no ícone de seta pequena e você ainda será capaz de clicar em ícones de arquivo”.

Para testar a novidade, basta clicar com o botão direito em cima de uma pasta e selecionar a opção “Abrir Pasta”.

Aplicação Rápida

drive aplicacao rapida Novos recursos no Google Drive: visualização de conteúdo e aplicação rápida

Ainda não disponível para todos os usuários do Google Drive mas um campo de pesquisa dentro da tela de edição de documentos permitirá buscar através de uma letra ou palavra o nome de um comando do Google Docs e selecioná-lo. Por exemplo, se você pesquisar por “n” poderá ver resultados como “negrito”, “notas de rodapé” e outros recursos.

 Google Drive terá suporte ao Linux

google drive linux Google Drive terá suporte ao LinuxDe acordo com o SlashGear, o Google está trabalhando para trazer um suporte nativo ao Linux no Google Drive, assim como o serviço já funciona atualmente no Windows e Mac.

A notícia foi publicada no fórum de usuários do Google Docs por Teresa Wu, Gerente de Produto, ao responder questões relacionadas ao Linux. Ela explicou que uma versão open-source do aplicativo está em desenvolvimento.

No momento, os usuários do Linux podem adicionar seus arquivos ao Google Drive utilizando a interface web do produto mas ainda não há uma meio fácil de sincronizar os arquivos como nas outras plataformas.

Google Drive não é dono do seu conteúdo

google drive1 Google Drive não é dono do seu conteúdoBastou o Google lançar um novo produto para o surgimento de uma nova onda de sites e blogs que tentam encontrar alguma forma de criticar o serviço ou assustar os usuários com interpretações que estão além desta realidade (muitas vezes impulsionadas pelo marketing de empresas concorrentes).

Desta vez, o problema envolve os Termos de Serviço do Google Drive que dariam interpretações de que o Google seria proprietário do conteúdo de terceiros. O texto questionado pelas publicações seria esse trecho:

“Quando você faz upload ou de algum modo envia conteúdo a nossos Serviços, você concede ao Google (e àqueles com quem trabalhamos) uma licença mundial para usar, hospedar, armazenar, reproduzir, modificar, criar obras derivadas (como aquelas resultantes de traduções, adaptações ou outras alterações que fazemos para que seu conteúdo funcione melhor com nossos Serviços), comunicar, publicar, executar e exibir publicamente e distribuir tal conteúdo. Os direitos que você concede nesta licença são para os fins restritos de operação, promoção e melhoria de nossos Serviços e de desenvolver novos Serviços”

Como diz a empresa, as diretrizes são para fins operacionais. Caso você não tenha compreendido o que isso quer dizer, basta entender que o conteúdo enviado para o Google Drive necessita ser hospedado, armazenado, reproduzido em seu computador ou celular. Há também a concessão de publicação para que você possa visualizá-lo, executá-lo ou ter sua exibição pública, caso você esteja acessando, por exemplo, de uma lan-house.

Quando comparado com os  Termos de Serviço da Microsoft, o Google se mostra extremamente detalhista no modo em como seus produtos vão realmente trabalhar com os dados dos usuários, algo extremamente importante e transparente para um mundo virtual que, cada vez mais, consome informações pessoais.

Google libera SDK para integrar mais Apps ao Google Drive

google drive1 Google libera SDK para integrar mais Apps ao Google DriveCom um foco especial em tornar o Google Drive uma plataforma aberta para os desenvolvedores, o Google anunciou adisponibilidade de um SDK para que mais pessoas possam contruir aplicativos para o serviço.

“Integrar sua aplicação no Google Drive a tornará disponível para milhões de usuários. Aplicativos do Drive são distribuídos a partir da Chrome Web Store, e pode ser usado com qualquer navegador moderno”, explicou Mike Procopio, E Engenheiro de Software.

“Além disso, sua aplicação pode tirar vantagem das funcionalidades de compartilhamento, armazenamento e recursos de gerenciamento do Google”.

Em seu lançamento, o Google Drive já conta com 18 apps que foram integrados ao novo produto usando o SDK. Você pode conhecê-los (e instalar) através deste link.

Google+ ganha integração com o Google Drive

google drive1 Google+ ganha integração com o Google DriveAlém do aguardado anúncio do Google Drive e o aumento do espaço do Gmail para 10 GB, o Google anunciou hoje que vai tornar o Google+ ainda mais próximo de seus arquivos online, permitindo compartilhar fotos diretamente do novo serviço.

“Após ativar seu Google Drive, adicionar algumas fotos ao serviço. Em seguida, no campo de compartihamento do Google+ para criar um novo post, clique no ícone da câmera e, em seguida, selecione o Google Drive e escolha fotos a partir do “Meu Disco” ou “compartilhado comigo”, explicou o Google.

Feito isso, basta selecionar as fotos de seu interesse e escolher os círculos com quem você quer compartilhar e pronto. Veja as imagens abaixo para mais detalhes:

Fonte: http://googlediscovery.com/