Fazer o recrutamento e seleção de forma eficaz é essencial para o negócio. Não basta selecionar um candidato para ocupar uma vaga com base em suas competências técnicas. Também é preciso analisar bem o perfil comportamental do profissional e verificar se ele se enquadra nos valores e expectativas da empresa.

Por isso, hoje em dia, além das tradicionais entrevistas de emprego, os recrutadores utilizam outras ferramentas de avaliação para escolher, entre os inúmeros candidatos, aquele que se adéqua melhor à vaga.

Essas ferramentas garantem sucesso ao processo de seleção e quando somado a tecnologia podem facilitar a rotina e melhorar a produtividade do profissional de recrutamento e seleção. Acompanhe o post de hoje e saiba mais!

Testes psicológicos

São ferramentas para avaliação psicológica dos candidatos. Com o uso de alguns testes, é possível analisar o comportamento das pessoas em diferentes ocasiões para avaliar memória, emoção, inteligência, atenção, entre outras características.

Entre os testes mais comuns aplicados por psicólogos e profissionais de RH estão:

  • Teste de Atenção Concentrada
  • Teste Palográfico
  • Teste de Avaliação Tipológico (QUATI)
  • Teste de Raciocínio Lógico

Software para análise de perfil

Outro método utilizado para garantir o êxito no processo de seleção são os sistemas para verificar o perfil comportamental do candidato.

O programa traça o perfil dos profissionais a partir de respostas em um questionário e, com isso, os recrutadores têm condições de avaliá-los mais profundamente. A ferramenta pode ser usada com dados obtidos na entrevista, ou antes, ainda na fase de seleção de currículos, para filtrar os candidatos.

Análise grafológica

Outra ferramenta de avaliação empregada no processo seletivo é a análise grafológica. Geralmente, ela é utilizada junto com outras etapas, como entrevistas e testes.

Esse método consiste em avaliar o comportamento do candidato por meio da análise da escrita. Assim como nos testes psicológicos, é possível avaliar características como memória, atenção, organização, ambição etc.

Google Apps

Além de avaliar os candidatos de forma eficaz, outra responsabilidade do time de RH é fazer isso de maneira ágil para que o cargo seja ocupado o quanto antes. Por isso, algumas ferramentas tecnológicas também são essenciais no dia a dia desses profissionais.

Uma delas é o Google Apps, que apresenta um conjunto de funcionalidades para otimizar as atividades corporativas — como e-mail, armazenamento, formulários, agenda, entre outros itens — e que também são extremamente úteis para o processo de recrutamento.

Com os formulários, por exemplo, a área de recrutamento e seleção pode trabalhar de forma integrada para ter o feedback de cada candidato. Já o armazenamento em nuvem permite que os currículos sejam acessados de qualquer lugar, além de facilitar o compartilhamento entre a equipe.

Asana

Essa é mais uma ferramenta que contribui com a rotina dos profissionais. É uma plataforma para gerenciamento de tarefas e projetos que permite um melhor controle e organização das atividades diárias. Com ela, o gestor da área poderá integrar os funcionários em um único local, o que facilita a troca de informação e alinhamento da equipe. O Asana possui uma versão gratuita para equipes com até 15 pessoas.

Um bom gestor de RH sabe como utilizar bem o tempo de trabalho na empresa, portanto, presa pela produtividade e assertividade nas decisões — e as ferramentas que listamos acima contribuem para isso. Elas facilitam as atividades diárias e garantem o recrutamento e seleção dos melhores candidatos.

Outra ferramenta útil para o processo de seleção é a videoconferência. Quer saber mais sobre ela? Então conheça 4 vantagens de fazer uma videoconferência na sua empresa!

QI_CTA_CardsTransformationRH

Leia também: