Publicado em 6 dezembro 2016

Um dos maiores desafios de qualquer profissional de Recursos Humanos é otimizar sua dinâmica de recrutamento.

Além disso, a rotatividade de funcionários em um determinado setor pode gerar altos custos para a empresa, já que os funcionários contratados podem não permanecer no cargo tempo o suficiente para compensar o custo da seleção. Por isso, é importante sempre refinar as técnicas de recrutamento de modo a conseguir o funcionário mais adequado para o setor em questão.

Realizar este processo de forma eficiente exige um bom conhecimento sobre a área de RH, além de um procedimento sólido. E para ajudar a melhorar esta dinâmica, separamos aqui algumas dicas simples para serem aplicadas. Confira:

Resultado de imagem para profile icon Estabeleça um perfil desejado

O primeiro passo em toda dinâmica de recrutamento é estabelecer que tipo de funcionário a empresa busca naquele momento. Por isso, é importante conversar com o futuro gestor do funcionário a ser contratado e determinar de que qualidades ele precisa. É um perfil mais dinâmico ou disciplinado? Currículo com formação básica, superior ou pós-graduado? Sem experiência necessária ou já com algum tempo de atuação?

A partir das qualidades esperadas, fica muito mais fácil estabelecer se um candidato é adequado para a vaga. Essa pequena reunião de dados já vai poupar grandes despesas no futuro.

Resultado de imagem para curriculo icon Faça uma triagem preliminar de currículos

Com o perfil em mãos, o próximo passo na dinâmica de recrutamento é separar os currículos que atendam a essas demandas. Desde que o candidato esteja com seu CV atualizado, é possível determinar se ele possui a classificação e a experiência necessárias para sua função. Assim, em alguns casos, é possível poupar o tempo de uma entrevista individual.

Com uma filtragem simples, que também pode ser feita com o envio de e-mail a partir de uma determinada formação, é possível avaliar outras qualidades, como cursos de língua estrangeira. Quanto mais diferenciais estiverem anotados, maiores serão as chances de que aquele candidato seja mais rentável.

Resultado de imagem para group icon Filtre os candidatos com dinâmicas de grupo

Uma vez que os currículos mais qualificados estejam separados, é hora de verificar os perfis mais adequados. Como esse tipo de informação não pode ser encontrada no currículo, é adicionado mais um estágio na dinâmica de recrutamento: uma reunião.

Todos os candidatos aprovados até agora são colocados em uma mesma sala, onde testes e dinâmicas de grupo são aplicados. Assim é possível ver as qualidades mais básicas de cada pessoa em ação, como liderança, organização, habilidade de comunicação, entre outras. Caso um dos candidatos se destaque durante as atividades, por exemplo, já pode ser considerado mais capaz do que a média.

Resultado de imagem para recrutamento icon Automatize a dinâmica de recrutamento

Por fim, um bom investimento na dinâmica de recrutamento é automatizar o processo. Ter um programa que pré-selecione os currículos que atendam a uma determinada demanda já é um grande avanço, pois poupa muito tempo que poderia ser dedicado a outros estágios da seleção.

Uma forma simples de fazer isso é criar um aplicativo para que qualquer pessoa possa se candidatar. A partir das informações inseridas nesse aplicativo, os profissionais de RH já podem filtrar apenas os currículos que mais interessam e dedicar mais tempo à elaboração e análise de testes individuais.

Gostou de nossas dicas para melhorar sua dinâmica de recrutamento e seleção? Tem alguma dúvida sobre o assunto? Então deixe um comentário com sua pergunta!

QI_CTA_CardsTransformationRH