Publicado em 10 março 2020

O aumento no volume de informações nas empresas tem tornado a governança de dados uma estratégia fundamental para a segurança dos negócios. Ainda assim, apenas 3% das empresas atendem padrões básicos de qualidade na gestão de dados, o que evidencia a falta de maturidade das companhias em relação a esse fator. Empresas que não investem na governança de dados colocam suas informações em risco, prejudicam sua produtividade e perdem a oportunidade de aperfeiçoar a gestão financeira. Estudos mostram que 70% das companhias que investem na gestão de dados identificaram redução em seus custos.

Neste artigo, vamos mostrar como é possível potencializar a governança de dados e obter resultados significativos em seu negócio. Acompanhe!

O que é governança de dados?

 

A governança de dados é a gestão eficiente de políticas, processos, pessoas e tecnologias usadas ou geradas pela empresa, com objetivo de estruturar o uso e a manipulação desses ativos dentro da organização. 

O processo de gestão dessas informações é baseado na formação de manuais de conduta e códigos, que são compartilhados com os profissionais para orientar os colaboradores sobre as melhores práticas e as formas mais seguras de fazer uso dos dados. 

A governança de dados evita  que a empresa enfrente problemas como desperdício de tempo,  aumento dos custos, instabilidade na relação com o cliente, entre outros fatores. Por outro lado, quem investe na governança de dados identifica melhorias significativas, como:

  • Otimização dos processos e tomada de decisões;
  • Torna os processos mais eficientes;
  • Reduz os custos operacionais;
  • Mantém as informações em segurança;
  • Promove maior transparência nos processos, etc.

 

Além disso, a governança de dados torna o processo de gestão das informações mais simples e flexível, com isso melhora a eficiência operacional e aumenta a margem de lucro da empresa.

Entretanto, para que esses benefícios sejam alcançados, é necessário seguir os pilares da governança de dados, que se referem à segurança, gerenciamento, compliance e transparência.

Ferramentas digitais para potencializar a governança de dados

Para cumprir com os pilares da governança de dados e proporcionar bons resultados para as empresas, o uso de ferramentas digitais é fundamental. Esses recursos atuam, principalmente, na facilitação dos processos de gestão, tornando os dados mais acessíveis e, ao mesmo tempo, seguros. 

Google Cloud Platform (GCP)

O Google Cloud Platform (GCP) é um pacote de soluções com ferramentas que ajudam a proteger e controlar os dados com eficiência em todo seu ciclo de vida. A solução faz a proteção em várias camadas, desde o hardware até a comunicação pela internet, oferecendo redundância e confiabilidade. 

Por meio de criptografia os dados permanecem seguros, em trânsito ou em repouso, e podem ser acessados apenas por serviços autorizados através da auditoria de chaves. 

O GCP aumenta a eficiência da gestão, pois garante que o usuário descubra, classifique e edite seus dados confidenciais automaticamente. Isso permite ao usuário gerenciar a identidade, o controle de acesso e a auditoria em toda a organização. Essas soluções atendem os requisitos de conformidade, controles de segurança e privacidade das principais leis.  

Em relação a transparência, os dados de acesso e gestão das informações são capturados e registrados em tempo real para que a empresa saiba exatamente como e por quem seus dados estão sendo manipulados. 

Google Vault

O recurso faz o arquivamento, a retenção e eDiscovery nos aplicativos, ajudando a reduzir os riscos para os dados da empresa, os custos e aumentando a eficiência na gestão dos dados armazenados no G Suite. 

A empresa terá um único arquivo para o armazenamento central das informações e gerenciamento de dados produzidos, enviados ou recebidos por seus colaboradores. Por meio das políticas de retenção de e-mail e chat, e também de documentos excluídos, a empresa pode preservar e gerenciar essas informações. Os dados são mantidos  de forma automática e a empresa pode auditar as informações e atividades de arquivamento a qualquer momento. 

A ferramenta conta com um recurso de gerenciamento de descoberta eletrônica que permite ao usuário autorizado pesquisar sobre um determinado assunto e ter uma resposta rápida. Assim, o usuário é capaz de avaliar o caso e definir a melhor forma de responder a uma solicitação ou demanda. Essas informações podem ser exportadas para análise e processamento futuro.

O uso de ferramentas digitais torna a governança de dados mais automatizada, reduzindo a necessidade de executar as tarefas manualmente. Isso elimina o tempo dedicado em cada atividade, permite maior controle sobre os processos e garante maior segurança e disponibilidade. 

As ferramentas do G Suite são desenvolvidas com o que há de mais moderno em relação à proteção de dados, atendendo todas as conformidades das leis de transparência e de dados.

Conheça melhor essas e outras soluções para apoiar a gestão e governança de dados da sua empresa, aqui no Blog da Qi Network. Se tiver qualquer dúvida, entre em contato com nossos especialistas

 

Leia também: