Publicado em 19 novembro 2020

Muitas empresas globais estão revendo suas estratégias para gerir e analisar os grandes volumes de informações que têm aumentado nos últimos anos em virtude, principalmente, do crescimento do uso de aplicativos. Por isso, o investimento em soluções de segurança, processamento de dados e em banco de dados na nuvem, tem se tornado a escolha de companhias que desejam inovar e se manter no mercado.

Com o uso de hardwares e softwares de terceiros, as empresas podem otimizar custos, ter mais autonomia no controle dos seus dados, reduzir sobrecarga de trabalho, aumentar a capacidade de seus servidores e ampliar seus negócios. 

Neste artigo, entenda melhor como gerenciar e usar os bancos de dados da sua empresa com o Cloud SQL, Cloud Spanner e Cloud Bigtable, serviços de nuvem oferecidos pelo Google Cloud Platform. Acompanhe!

Por que usar banco de dados em nuvem

Com a expansão da Internet das Coisas (IoT) as empresas passaram a coletar a acumular muito mais dados. Assim, gerenciar os bancos de dados se tornou uma das atividades mais importantes, exigindo não só tempo, mas altos níveis de segurança, durabilidade e desempenho. 

Confira os principais desafios da gestão de banco de dados locais:

  • gerenciar e organizar grandes volumes dados de máquinas, sensores e outras fontes que demandam muito tempo;
  • garantir segurança dos dados;
  • acessar e acompanhar demandas em tempo real para tomar as melhores decisões;
  • gerenciar e promover manutenções preventivas e atualizações de softwares;
  • proporcionar escalabilidade para expandir os negócios.

 

Para lidar com essas questões, as companhias devem inovar na modernização da infraestrutura de TI, isto é, na migração para a nuvem. Com isso, as organizações podem otimizar seus recursos, aumentar a velocidade de criação e lançamento de novos recursos, escalonar sua capacidade de armazenamento e tomar melhores decisões estratégicas.

Vantagens da modernização da infraestrutura de TI

Ao modernizar a infraestrutura de TI, você está promovendo a inovação organizacional na empresa, o que é um pré-requisito para negócios que desejam se manter no mercado. Não é por acaso que as estratégias de gerenciamento de dados têm se modificado tanto, pois as vantagens são muitas, tais como:

Mais segurança 

A tecnologia de segurança da nuvem é ampliada com recursos avançados de criptografia, sistema anti-invasores e de recuperação de dados. Outras ferramentas como firewall, antivírus e VPN também são utilizadas na infraestrutura de TI.

Maior mobilidade

Todas as ferramentas para migração, modernização e transformação do banco de dados são acessadas pela internet. Assim, a equipe de infraestrutura pode trabalhar de qualquer lugar, a qualquer hora e de forma simultânea no mesmo documento.

Alta disponibilidade 

O ambiente na nuvem é disponível para acesso em mais de 99,9% do tempo.

Otimização de processos

Num banco de dados gerenciado na nuvem, os processos são otimizados e os colaboradores podem dedicar seu tempo em atividades estratégicas.

Custos reduzidos com infraestrutura

Custos de backup e infraestrutura local são reduzidos em banco de dados na nuvem, pois não há necessidade de hardwares locais.

Google Cloud Platform: soluções para gerenciamento de banco de dados

Diante desse de cenário de mercado, as empresas querem aumentar a velocidade da criação e lançamento de novos recursos, e facilitar a manutenção e o redimensionamento de banco de dados.

Além disso, estão inovando na adoção de bancos com APIs abertas para manter a portabilidade dos dados. Estes, aliás, também estão sendo alvo de novas leis quanto à segurança e proteção, como a recém sancionada Lei Geral de Proteção de Dados – LGPD. Desse modo, na medida que as empresas necessitam escalonar globalmente, devem cumprir com as medidas determinadas pelas regulamentações. 

Por essas razões, a mudança para a nuvem têm aumentado e o Google Cloud Platform (GCP) é a melhor solução para atender demandas em todas as três fases da jornada para a nuvem: migração, modernização e transformação. 

Banco de dados de acordo com suas necessidades

Se você deseja acelerar o ritmo de inovação da sua empresa, gerenciar melhor seus custos ou encerrar totalmente seus bancos de dados locais, o GCP possui as ferramentas ideais para isso. E o melhor: você têm liberdade para escolher recursos de acordo com a estratégia do negócio e a fase da jornada. 

Devido a qualidade do seus serviços, o GCP foi eleito o melhor provedor de soluções em gerenciamento de dados para análise no primeiro trimestre de 2020, tendo alcançado a pontuação mais alta em roteiro, desempenho, alta disponibilidade, escalabilidade, ingestão de dados, armazenamento e segurança.

Portanto, com o GCP é possível migrar, gerenciar e modernizar as informações com banco de dados com muito mais facilidade.

A seguir, conheça três bancos de dados do GCP: Cloud SQL, Cloud Spanner e o Cloud Bigtable.

Cloud SQL

O Cloud SQL é um serviço de banco de dados relacional totalmente gerenciado para MySQL, PostgreSQL e SQL Server, que ajuda a configurar, manter, gerenciar e administrar seus bancos de dados no GCP.

Principais recursos do Cloud SQL:

  • automatização de provisionamento de banco de dados, gerenciamento de capacidade de armazenamento, replicação e backups;
  • configuração rápida, com drivers de conexão padrão e ferramentas de migração integradas;
  • escalonamento ágil, com uma única chamada de API em qualquer fase da jornada;
  • criptografia de dados em repouso e em trânsito;
  • conectividade particular com nuvem privada virtual e acesso de rede controlado pelo usuário;
  • disponibilidade acima de 99,95% em qualquer lugar;
  • acessível por qualquer aplicativo, como App Engine, Compute Engine e Google Kubernetes Engine.

Cloud Spanner

O Cloud Spanner é um serviço de banco de dados relacional de missão crítica, desenvolvido para proporcionar grande consistência e alta disponibilidade em escala global. É o único do tipo relacional projetado para ser amplamente distribuído em transações e semântica SQL.

Principais recursos do Cloud Spanner: 

  • fragmentação automática de dados com base na carga da solicitação e no tamanho dos dados;
  • fácil implantação em todas as fases da jornada e para qualquer tamanho de banco de dados, com replicação síncrona e manutenção automáticas e integradas ao serviço;
  • disponibilidade de 99,999%;
  • leitura e gravação de dados atualizados e consistentes globalmente, a partir de qualquer lugar do mundo; 
  • mudança de esquema e exibição do tráfego ao mesmo tempo, com inatividade zero;
  • baixa latência;
  • criptografia da camada de dados, backup e restauração sob demanda.

Cloud Bigtable

O Cloud Bigtable é um banco de dados não relacional, ideal para armazenar grandes quantidades de dados com latência muito baixa, pois oferece alto desempenho sob alta carga. Assim, grandes aplicativos e fluxos de trabalho ficam mais rápidos, confiáveis e eficientes.

Principais recursos do Cloud Bigtable:

  • escalonamento facilitado conforme as necessidades de armazenamento, sem inatividade durante a reconfiguração;
  • rápido e de alto desempenho, cresce desde o primeiro gigabyte até uma escala de petabytes para aplicativos com baixa latência;
  • serviço simples e integrado a ferramentas da Big Data e também conta com suporte para API Hbase de código aberto padrão;  
  • disponibilidade de 99,99% para instâncias com roteamento de vários clusters e 99,9% em cluster único.

Modernização do data lake: opção para analisar todos os tipos de dados

Muitas empresas possuem um data lake para centralizar e armazenar dados mais brutos de todos os tipos. Geralmente estes são depositados sem processamento e análise, e mantidos porque ainda podem ser usados estrategicamente pela organização.

No CDP (Customer Data Platform) você pode modernizar seu Data lake para ingerir, armazenar e analisar grandes volumes de dados diferentes, com segurança, economia e fidelidade total. 

Você pode migrar os dados para o Google Cloud para aumentar sua escalabilidade e economia se não quiser retirar seu data lake local ou redirecionar as cargas de trabalho que consomem mais recursos.

Principais recursos do data lake:

  • gerenciamento total dos serviços, permitindo o provisionamento, escalonamento e gestão dos dados e clusters de análise de software de código aberto personalizados de forma automática;
  • criação, treinamento e implantação de aceleradores de análise;
  • separação do armazenamento e da computação para aumentar a velocidade de consultar e gerenciar os custos.

Modernize sua infraestrutura para inovar mais

Os serviços oferecidos pelo GCP podem ser de grande valia para o seu negócio. Outras empresas já estão adotando-os para reduzir custos, otimizar processos e inovar seus negócios.

E para promover essa mudança, conte com a QI Network, especialista na modernização de infraestrutura na nuvem, com serviços para migração, otimização, segurança, planejamento, design e capacitação de colaboradores.

Dúvidas? Deixe seu comentário ou entre em contato conosco! E para saber de mais conteúdos sobre inovação organizacional, acompanhe nosso blog!