Publicado em 18 Maio 2016

Não podemos deixar de notar que a atual geração de estudantes já nasceu conectada. São jovens que — segundo pesquisa do Ibope — passam quase nove horas por dia na internet jogando, ouvindo música, publicando fotos em diversas redes sociais, compartilhando notícias e assistindo a vídeos no YouTube.

Diante da alta conectividade dos jovens, que, além do computador, usam seus smartphones e tablets para acessar a rede, os professores podem achar que ficou mais difícil manter a atenção deles nas aulas. No entanto, um orientador atualizado com o mundo on-line vai utilizar as ferramentas digitais a seu favor e desenvolver metodologias de educação tecnológica estimulante e que engaje os alunos.

Mas como utilizar as tecnologias para melhorar o desenvolvimento das atividades em sala de aula? Como isso pode aprimorar a aprendizagem dos alunos? Confira a seguir as respostas para algumas das perguntas que podem surgir enquanto estiver elaborando um plano de educação tecnológica.

Por que desenvolver uma educação tecnológica?

Pesquisas científicas já confirmaram que a utilização de tecnologia facilita a aprendizagem escolar. As ferramentas tecnológicas, além de auxiliar o professor nas atividades realizadas em sala de aula, estimulam os alunos a buscar novos conhecimentos e se socializarem com os recursos e colegas.

A educação tecnológica pode transformar assuntos mais complicados em algo útil e simples, apenas acessando, por exemplo, páginas que exemplificam o que está sendo ensinado. A absorção das novas tecnologias nas aulas poderá, ainda, aumentar a participação, a criatividade e a proatividade.

Como utilizar a tecnologia a meu favor?

Ninguém está alheio à tecnologia, pois ela está presente na nossa vida por mais que a gente não queira. Então, já que não podemos desviar dela, é melhor utilizá-la a nosso favor. Em vez de reclamar contra a utilização de celulares na sala de aula, os professores podem empregá-los para incentivar a participação dos alunos  e introduzir novos valores.

O mediador da aula poderá, por exemplo, criar grupos de discussões on-line, para fazer com que os alunos interajam depois das aulas; criar blogs onde os alunos possam publicar textos próprios e comentar os dos colegas; utilizar jogos ou mapas interativos para exemplificar um assunto. Isso vai permitir que os alunos criem maior empatia com a disciplina e expandam o limite dos conhecimentos.

Quais plataformas utilizar?

Agora que você já descobriu o porquê e como utilizar as tecnologias em sala de aula, vamos mostrar quais ferramentas poderá utilizar para fazer suas aulas mais dinâmicas e participativas.

Google for Education

O aplicativo Google for Education ajudará a otimizar os processos educativos. Com a ferramenta é possível incluir elementos multimídia nas lições e controlar provas e trabalhos. Por ela, o professor pode gerenciar as atividades de cada turma e aluno.

Fórum de discussão ou comunidades em redes sociais

Tanto os fóruns de discussão como as comunidades em redes sociais são ótimos canais para os alunos discutirem os assuntos que foram ensinados. Neles, os estudantes podem inserir perguntas, tirar dúvidas com os professores e comentar as respostas. Os fóruns também são uma ótima ferramenta para que os alunos mais tímidos e os que não gostam de fazer perguntas pessoalmente possam se expressar.

Blogs

Outra ótima opção para os professores é utilizar blogs como ferramenta pedagógica. Neles você pode postar exercícios, publicar assuntos relacionados às atividades, divulgar eventos que esteja planejando. Além disso, poderá permitir que os estudantes publiquem suas atividades e textos, incentivando comentários positivos nas postagens dos colegas.

Jogos educacionais

Os jogos educacionais são uma alternativa muito eficaz entre os jovens, pois possibilitam que eles aprendam se divertindo. Existem opções disponíveis para diversas disciplinas atualmente, bastando uma rápida procura.

Essas são apenas algumas das ferramentas para a educação tecnológica que os professores podem utilizar em sala de aula. Você pode procurar outras opções na internet, mas não se esqueça de nos contar o que achou.

QI_CTA_GuiaIProfessores